Cardiopatia Isquêmica - Equivalentes anginosos

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Ir em baixo

Cardiopatia Isquêmica - Equivalentes anginosos

Mensagem  Sarah Mendes em Seg Jan 21, 2013 4:26 pm

Olá Pessoal da MGA 1! Finalmente, consegui postar aqui. Desculpem-me a demora, mas só agora que consegui mexer neste programa...

Equivalente anginoso:

Atendi, acompanhada da Lorena e do Pedro, uma paciente idosa, hipertensa e diabética (ambas condições há mais de 20 anos). Ela tem 63 anos, apresenta hipotireoidismo, e queixava-se de “bambeza” nas pernas, ainda relatando astenia e dispneia a mínimos esforços. A astenia e a dispnéia tinham piorado nos últimos 6 meses. A paciente ainda veio com um histórico de cardiopatia (cardiomegalia em exame confirmatório) e com um seguimento ao tratamento anti-hipertensivo e hipoglicemiante muito pouco aderente. Ao ser investigada dor em alguma parte do corpo, a paciente relatou dor no dorso e na base do pescoço (em sua base), que era agravada com o exercício físico.

Ao exame clínico, notava-se uma paciente com fácies típica, mixedematosa, e uma paciente participativa, mas que tinha dificuldades de se movimentar. Teve dificuldade para deitar e se levantar. A freqüência respiratória era normal ao exame físico, sem outros achados respiratórios.

Relembrando o que é angina: “A angina é uma síndrome clínica caracterizada por dor ou desconforto em qualquer das seguintes regiões: tórax, epigástrio, mandíbula, ombro, dorso ou membros superiores, sendo tipicamente desencadeada ou agravada com atividade física ou estresse emocional e atenuada com uso de nitroglicerina e derivados. A angina usualmente acomete portadores de DAC com comprometimento de, pelo menos, uma artéria epicárdica. Entretanto, pode também ocorrer em casos de doença cardíaca valvar, cardiomiopatia hipertrófica e hipertensão não controlada. Pacientes com coronárias normais e isquemia miocárdica relacionada ao espasmo ou disfunção endotelial também podem apresentar angina. Além dela, há várias situações de dor torácica ou sintomas manifestados nas regiões habituais de sua manifestação que possuem outros diagnósticos, tais como alterações relacionadas ao esôfago, estômago, pulmão, mediastino, pleura e parede torácica.”

A angina é indicativa de isquemia miocárdica, e os equivalentes também o são. Mas o que seriam eles? Os equivalentes anginosos (EA) são outros sintomas de isquemia miocárdica que não a angina e que possivelmente são também compatíveis com esta paciente. Os EA podem se manifestar como dispnéia, fadiga e desmaio, sendo comuns em pacientes idosos e diabéticos. A probabilidade de ser uma coronariopatia também pode ser investigada com base em dados da paciente, que apresentava uma idade mais avançada (> 60 anos) associada ao fato de ser mulher (e no estado pós menopausa) e a presença de co-morbidades.

Paciente diabéticos e idosos não manifestam quadros isquêmicos da mesmo forma que outros. “Algumas características dos sintomas devem ser cuidadosamente indagadas com a finalidade de orientarem a probabilidade da presença de angina: qualidade: dor constritiva, aperto, peso, opressão, desconforto, queimação, pontada; localização: precordial, retroesternal, ombro, epigástrio, cervical, hemitórax, dorso; irradiação: membros superiores (direito, esquerdo, ambos), ombro, mandíbula, pescoço, dorso, região epigástrica; duração: segundos, minutos, horas e dias; fatores desencadeantes: esforço físico, atividade sexual, posição, alimentação, respiração, componente emocional, espontânea; fatores de alívio: repouso, nitrato sublingual, analgésico, alimentação, antiácido, posição e apneia; sintomas associados: sudorese, náusea, vômito, palidez, dispneia, hemoptise, tosse, pré-síncope e síncope.” Pessoal, se não estou equivocada, acredito que ela tenha se queixado de dor no membro superior esquerdo também. Confirmarei no prontuário dela na próxima oportunidade.

Gente, espero ter contribuído com o aprendizado de vocês nesse termo “equivalentes anginosos”: anexei ainda um arquivo (Guideline) para vocês darem uma olhada também! Tem mais sobre angina... Li também no Medicina Interna do Harrison (capítulo de Cardiopatia Isquêmica! Na página 1504, da 16ª edição, bem no finalzinho, começa a falar sobre os EA!).

Atenciosamente,

Sarah Mendes Very Happy

Sarah Mendes

Mensagens : 4
Data de inscrição : 01/12/2012

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Voltar ao Topo

- Tópicos similares

 
Permissão deste fórum:
Você não pode responder aos tópicos neste fórum